Pessoas e Pessoas

Ontem atendi uma ligação no numero profissional:

– É a Tatiana Saoli?
– Sim.
– Eu quero muito te conhecer pessoalmente, tem como a gente marcar um encontro?
– Me desculpe, mas não vai dar.
– Eu moro em Aguas Claras, meu pai é deputado e eu queria muito te conhecer melhor.
– Mas não será possível, pois não estou aberta a relacionamentos, senão profissional.
– Tem certeza? Meu pai é deputado, eu te passo meu endereço.
– Tenho certeza, não quero não! (Tchau)

Poxa! Que merda é essa?
Mesmo que eu estivesse solteira e aberta para algum relacionamento, que motivos eu teria para me encontrar com alguém desse tipo?

Na boa odeio gente prepotente! Não consigo ser falsa e muito menos simpática com esse tipo de pessoa.
Não gosto de políticos. Mas, supondo que o cara fosse um bam-bam-bam qualquer e não político? Perdeu mesmo assim!
Não faço amizade com pessoas por elas serem ricas ou pobres. Politicos, médicos ou pedreiros, faxineiros… Me relaciono com as pessoas que tem boa índole, que sejam honestas, sinceras!

Lembro-me que uma vez atendi um senhor de terno e gravata bonita na nossa loja e ele me tratou muito mal. Foi super grosso, mal-educado…
Tratei ele bem e fiz o sevirço solicitado, até que ele gritou comigo por causa de uma cópia frente e verso que o “retardado” não havia me explicado que queria na lateral, ao invés de centralizado na folha.
Virei para ele e disse olhando em seus olhos:
– O senhor vai continuar com sua grosseria ou eu posso continuar a xerox?
Ele se assustou com minha reação e disse:
– Como? Eu vou embora! Quanto que deu?
– Nada, é cortesia da casa.
– Eu quero pagar.
– Mas eu não quero receber, é cortesia.
Ele pegou os papéis e continuo gritando:
– Voce não sabe com quem esta falando menina!!!!
E eu respondi:
– Nem o senhor sabe com quem esta falando. Por isso, retire-se da minha loja e não precisa  voltar mais!

Lembro-me que era de manha e passei o resto do dia mal por causa do acontecido.
Até hoje tenho vontade de encontrar esse senhor novamente. Não sei porque, mas tenho vontade de vê-lo falando, agindo com alguém ou ate comigo.

Por mais que a gente esteja num dia ruim, que os filhos nos deixem exaustos, que as contas não parem de chegar, que a vida amorosa esteja uma droga, que nosso trabalho seja estressante. Que o carro estrague quando se está atrasado, que a compra do mercado não chegue ate o fim do mês, que você não consiga tirar férias há 3 anos…  PORQUE SER GROSSO(A) COM AS PESSOAS???

Por mais que a pessoa tenha um salário milionário, um cargo bom numa empresa, o carro do ano, uma fazenda pra passar os feriados, férias na praia anualmente…
PORQUE ACHAR QUE VALE MAIS DOS QUE OUTROS???
Na minha leve falta de paciência:
Todo mundo é igual!!
Todos vamos morrer e feder…
O valor das pessoas não se mede por uma conta bancária…
E a vida dá muitas, muitas voltas.

Então, se você age assim no seu dia-a-dia, ou de vez em quando… Pare pra pensar e perceba que não será esse tipo de atitude que te fará melhor que o outro.
E que quanto mais alto, maior o tombo também!

Desabafei.

2 pensamentos sobre “Pessoas e Pessoas

  1. Concordo plenamente com vc Tati. Muita gente acha que porque tem uma condição financeira melhor do que outras, são pessoas melhores ou devem ser tratadas diferentemente das outras de condição não tão boa.
    Tenho nojo desse tipo de gente!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s