Daí que, eu não sei exatamente porque resolvi escrever sobre mim.

Postei, no sábado, a música “Pro Dia Nascer Feliz” e fiquei de explicar depois o que eu quis dizer com a frase em evidência: “O mundo acordar e a gente dormir, dormir… Pro dia nascer feliz; Essa é a vida que eu quis”.

 

Bom, quem me vê assim… como esse meu jeito espontâneo, que fala com todo mundo, adora festa, cerveja entre amigos, piadas, shows e etc.  Acredita que sou ou meio moleca ainda, ou sem muitos compromissos, expectativas… algo do tipo.

Sempre me questionaram muito sobre isto e sempre tive dificuldades em explicar como sou; não sei se por minha profissão, ou por algumas escolhas que fiz na vida (como preferir trabalhar do que estudar, sair de casa aos 18, cantar na noite, ter ficado distante dos pais…)

Eu gostaria de deixar claro aqui que sou geminiana. Puro sangue ainda! RS

Metade de mim é urbanista, gosta de baladinhas, barzinhos, praia, compras em shopping, cinema, carros. Sonha com o sucesso e a fama, ama a música, compor, fazer shows, etc.

A outra metade é mais mansa. Churrasquinho em casa, contato com a natureza, cachoeira, sonha com uma casinha de cerca branca, um cachorro e um aquário, um filho, um belo quintal para aproveitar com os amigos, um amor pra vida inteira, um trabalho bom mas que me permita ter tempo para a família, tempo para cozinhar, tirar minhas fotografias, etc.

Conhecem esses versos?
“Eu quero a esperança de óculos
E Meu filho de cuca legal
Eu quero plantar e colher com a mão
A pimenta e o sal”
Incrível para a maioria, mas essa musica diz muito de mim!

Ao contrário do que aparento, sou do tipo de pessoa que faz compromisso, que tem expectativas, planos, objetivos, estudo as minhas prioridades e quase nunca sou instável, irresponsável ou leviana.
Não permito que as pessoas decidam algo por mim, nunca largo a música por alguém e, evito sempre me tornar infeliz para fazer outro feliz. Sou ciumenta, egoísta as vezes, carente mas não derrubo lágrimas facilmente, procuro canalizar minhas dores no trabalho e fortalecer muito das minhas fragilidades.

Sou comum e quero muito mais a PAZ do que qualquer outra coisa!

Anúncios