Eu já tinha um poema escolhido para hoje, mas nessa madrugada, entre o sono e a razão… peguei um papel e uma caneta. Ao invés de canção saiu poesia, que ha muito eu não escrevia,  então resolvi registrar aqui.
Nem tem título, quem quiser mandar sugestões para mim eu agradeço.

 

Quando seu olhar se hipnotizar
É porque chegou a hora d’eu te ensinar a sonhar
Quando você sentir seu coração parar de bater
Eu posso me praparar porque você vai aparecer.

Porque o amor é assim
Louco em seus preceitos
Que eu tenho certeza, desconheço.

Quando sua mão bater a minha porta
Eu saio louca, ajeito tudo, escondo a horta
Quando seu coração pedir a razão
Eu sei que não terei mais nada, se não paixão.

Porque nossos dias serão assim
Um misto de sabor, não e sim
E eu me farei feliz e triste
Sem saber nunca do meu coração.

Anúncios